Maranhense na guera da Iurd contra a imprensa

Um maranhense de Balsas (cerca de 800 km de São Luís) é um dos autores das dezenas de ações contra a repórter Elvira Lobato e o jornal “Folha de S.Paulo” pela publicação, em 15 de dezembro do ano passado, da reportagem “Universal chega aos 30 anos como império empresarial”, informa o jornal “Correio Braziliense” de hoje. A Associação Brasileira de Imprensa (ABI) suspeita de um movimento orquestrado pela cúpula da Igreja Universal do Reino de Deus (Iurd) para intimidar jornalistas.

Dos cerca de 90 pedidos de punição judicial por danos morais, 50 são contra a “Folha de S. Paulo”. O “Jornal Extra”, do Rio de Janeiro, e “A Tarde”, de Salvador, também são alvos de contestações judiciais.

Por meio de nota, a associação alertou as autoridades judiciárias responsáveis pelo julgamento do reclame “acerca dos danos que o deferimento do pleiteado pode causar à democracia no país”.

Para o presidente da ABI, Maurício Azedo, as evidências estão nas disparidades geográficas das petições, espalhadas em 20 estados e dezenas de municípios. Contra Elvira e a Folha, por exemplo, além de Balsas, há ações correndo em Xapuri (AC), Caicó (RN), Guarantã do Norte (MT), São Raimundo Nonato (PI), Irecê (BA) e Abelardo (SC). “Os autores dessas ações e o comando da Universal têm em vista dificultar a defesa das partes”, ressaltou

Os pedidos de indenizações variam de R$ 1 mil a R$ 10 mil.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: