TSE aprova desfiliação de Lobão Filho

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) aprovou o pedido de declaração de justa causa de desfiliação do senador Edison Lobão Filho do Democratas. Na ação, Lobão Filho alegou que, após 18 anos inscrito no parido (o antigo PFL), “está sendo vítima de grave discriminação pessoal pelo fato de ser filho de um ministro de Estado do governo Lula” — seu pai comanda a pasta da Minas e Energia.

Em 13 de fevereiro de 2008, o DEM enviou ofício ao TSE, no qual considerava justo o pedido de desligamento do senador. O partido diz aguardar o pedido de desfiliação do Lobão Filho, “para evitar os enormes constrangimentos de ordem política e pessoal para as partes envolvidas”.

O senador tem convites para filiar-se no PMDB, PTB e PR, mas deve ficar um tempo sem partido.

(Com informações do site do TSE)

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: