Querem, enfim, acabar com o imposto de renda

Ugo Braga, Fernanda Odilla e Edna Simão
Do Correio Braziliense

Em meio à articulação para emplacar a reforma tributária, o Ministério da Fazenda foi surpreendido ontem por uma proposta revolucionária: a extinção do Imposto de Renda da Pessoa Física para quem ganha salário de até R$ 30 mil mensais. E a queda no índice da contribuição patronal para o INSS dos atuais 20% para 10% da folha de salários. Para compensar essa enorme redução de tributos, seria criado o Imposto Mínimo, semelhante à finada CPMF, mas com alíquota bem maior, de até 1% sobre as movimentações bancárias.

A idéia foi apresentada à tarde ao ministro da Fazenda, Guido Mantega, pelo líder do PR, Luciano Castro (RR), e pelo economista Marcos Cintra, ex-deputado e professor da filial paulista da Fundação Getúlio Vargas. A Mantega, Castro avisou que o PR patrocinará a mudança quer o governo queira, quer não. O partido pretende apresentar uma emenda ao texto da reforma preparado pelo Palácio do Planalto, programado para chegar amanhã ao Congresso.

“Nosso projeto não entra em conflito em nada com a proposta do governo”, defende Luciano Castro. “O governo Lula tem tratado muito bem o topo e base da pirâmide social, mas esqueceu da classe média”, argumentou. “Ao elevar o limite de isenção para R$ 30 mil mensais, nós livramos 90% dos contribuintes do IR, todos da classe média”, completa Marcos Cintra.

Assinantes, leiam mais aqui

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: