PTB e PT: notas suspeitas na mira do TSE

Alan Gripp e Isabel Braga
De O Globo

Por determinação do presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Marco Aurélio Mello, auditores do tribunal começaram ontem a vasculhar as prestações de contas dos partidos políticos em busca de irregularidades cometidas no uso do Fundo Partidário. A princípio, a investigação se concentrará nas denúncias de que o PT usou recursos do fundo para pagar parte da festa de 26 anos do partido, em 2006, em Brasília. Também serão analisadas as contas do PTB, que pagou R$ 255 mil para a realização de seminários que nunca aconteceram. Os dois casos foram revelados em reportagens do GLOBO publicadas desde domingo.

Assinantes, leiam mais aqui

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: