Dinheiro: cai juro do crédito consignado

Edna Simão
Do Correio Braziliense

O governo anunciou ontem um pacote de medidas para aprimorar e fechar brechas existentes na regulamentação do empréstimo consignado para aposentados e pensionistas. O objetivo é evitar fraudes e conter abusos das instituições financeiras. Uma das decisões do Conselho Nacional de Previdência Social (CNPS), divulgadas pelo ministro Luiz Marinho, é a redução do teto dos juros cobrados de 2,64% para 2,5% ao mês. Nas transações feitas com cartão de crédito há queda de 3,7% para 3,5% ao mês. As reduções entram em vigor hoje.

A notícia pegou os bancos de surpresa. “A mudança não estava agendada”, disse o superintendente da Federação Brasileira dos Bancos (Febraban), Jorge Higashino. A justificativa do ministro é que duas baixas na taxa básica de juros (Selic), que ocorreram no ano passado, ainda não haviam sido repassadas ao consignado. Ele admitiu, no entanto, que o recuo foi um “pouquinho” além dos cortes da Selic para testar os limites dos bancos.

Assinantes, leiam mais aqui

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: