Rio Itapecuru ameaçado de sumir

Renata Mariz
Do Correio Braziliense

Com 1,2 mil km de extensão, o Rio Itapecuru, que liga o sul do estado do Maranhão ao Atlântico, corta 52 municípios e abastece cerca de 65% da população da capital, São Luís, corre o risco de desaparecer. O processo de poluição da água, o assoreamento, a destruição das matas ciliares e a retirada ilegal de areia já fizeram o rio perder 73% do seu volume. Além de um iminente desabastecimento, a queda na qualidade da água castiga principalmente as comunidades tradicionais da região, tais como indígenas, pescadores, agricultores e quebradeiras de coco.

Os 52 municípios que integram a bacia do Itapecuru, a mais importante das 12 que banham o estado, reúnem uma população de, aproximadamente, 3 milhões de pessoas. Muitas delas tiram o sustento das águas do rio. “Antigamente o pescador saía cedo e na hora do almoço estava em casa com o peixe na mesa. Agora, passa um, dois dias inteiros no rio para trazer quase nada”, conta Erinaldo dos Santos, nascido e criado em Cantanhede, banhado pelo Itapecuru.

Anúncios

One Response to Rio Itapecuru ameaçado de sumir

  1. josé Ribamar Soares Júnior disse:

    Amigos,

    Todo ano tem esse comentário de que o rio itapecuru está se acabando por parte dos governaqntes, e ninguêm faz nada jé é uma história velha, todos os prefeito ver tudo a olho nu e nao tomam providencias. Sou de Codó-MA, o esgoto cai direto no rio e o prefeito nao faz nada o seu filho Deputado Camilo Figueiredo brinca de lancha e jet ski no rio ver a poluicao e nada faz. Faz tempo que o rio itapecuru está na UTI…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: