Eleições – As opções do governo para São Luís

Eis os principais nomes do governo e prefeitura para substituir o prefeito Tadeu Palácio. No quadro, feito pelo jornalista Aquiles Emir, de O Imparcial, não estão nem Pinto Itamaraty (PSDB) e nem Cléber Verde (PRB), ambos da base. Pinto ainda briga por vaga. E Verde já diz que é candidato. As opções da oposição são: Gastão Vieira (PMDB), Raimundo Curtim (DEM) e Pedro Fernandes (PTB).

José Reinaldo – O ex-governador José Reinaldo Tavares (PSB), o arquiteto da vitória de Jackson Lago em 2006, descarta ser candidato porque percebe que não haverá unidade partidária em torno do seu nome, mês tendo conseguido aglutinar todas essas forças em 2006 para eleger seu sucessor, mas se conseguir esta unidade não recusará o convite para a missão.

João Castelo – O ex-deputado João Castelo (PSDB), presidente da Empresa Maranhense de Administração Portuária – Emape, em mais uma roda de pesquisa aparece como um nome de peso, porém alguns aliados de 2006, rejeitam sua indicação porque seu partido faz oposição ao presidente Lula, apoiado pela maioria desses partidos.

Clodomir Paz – O ex-deputado e atual secretário chefe do gabinete de Tadeu Palácio, que foi um dos principais coordena dores da campanha de Jackson Lago, espera se viabilizar e ser o escolhido de Tadeu Palácio, mas dentro do seu partido, o PDT, existem outros pretendentes, cuja militância pode pesar e adiar seu projeto de ser o novo prefeito de São Luís.

Canindé Barros – Apesar de muitos duvidarem do seu poder de fogo, o secretário de Transportes continua com sua movimentação, a fim de conquistar a confiança do prefeito Tadeu Palácio e dos demais dirigentes partidários que o apóiam para ser o futuro gestor da capital, e para ter a certeza de que seu nome não será atropelado, trocou o PDT pelo PSL.

Julião Amin – O deputado federal Julião Amin, que deverá ser anunciado hoje como o candidato de Jackson Lago à sucessão de Tadeu Palácio, tem como principal argumento de sua pré-candidatura a história de luta do PDT, já que acompanha Jackson Lago desde 1985, quando se candidatou a vice-prefeito na primeira tentativa do governador para conquistar São Luís.

Bira do Pindaré – Saído das urnas como uma boa penca de votos para senador, em 82006, tendo sido o mais votado na Ilha de São Luís, Bira do Pindaré conta com apoio de boa parte do PT e de outras legendas chamadas de esquerda para ser o candidato de uma frente progressista, porém pode ser prejudicado até mesmo pelas disputas internas de sua legenda.

Flávio Dino – Eleito deputado federal pelo PC do B, Flávio Dino já se declara candidato a sucessor de Tadeu Palácio e contabiliza na frente que pretende formar para disputar esta eleição, além da sua legenda, o PSB, de José Reinaldo, o PT, de Bira do Pindaré, e mais alguns pequenos partidos que se autodefinem como progressista, e não quer abrir mão da indicação.

Anúncios

2 Responses to Eleições – As opções do governo para São Luís

  1. André Oliveira disse:

    Na realidade a Frente de Libertação tem que se manter unida e lançar um candidato de peso que ganhe em primeiro turno, não só em São Luis, como em Ribamar. Imperatriz, Caxias, Timon, etc….
    Com isso afastaremos o Clã Sarney de vez do comando do nosso estado.

    André Oliveira

  2. antonio melo disse:

    Eu concordo com o que o amigo falou. Temos que colocar canditado forte para prefeito de São Luís pra ganhar no primeiro turno, e não da mas chanse pra este grupo derrotado de Sarney.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: